Segunda-feira, 18 de Março de 2013

Promover turismo estrangeiro cá dentro?

 

Apanhei um artigo do Pedro Bidarra intitulado "O Turismo promove um país de criados" que teve vários impactos à medida que fui percebendo do que se tratava (confesso que ainda não sei se sei o que se trata mesmo).

 

O primeiro impacto foi de um banal anúncio a promover a hospitalidade dos portugueses. Independentemente de se gostar ou não do anúncio, parece-me natural e bem longe de educar um simples anúncio a promover uma das qualidades do nosso turismo. Já me preparava para um "olha lá está outro gajo a ver imposições por todo lado, quando é ele que quer impor uma moral ao seu gosto", confesso. O segundo impacto foi quando li que o anúncio se destina aos portugueses e já fiquei um bocado mais estupefacto. Para que se quer um anúncio para portugueses sobre o turismo estrangeiro e não interno?

 

Foi aqui que se deu um terceiro impacto em mim. Então, talvez o Bidarra e a corrente que ele gerou parece ter alguma razão. Portanto, este anúncio serve para dizer-nos que devemos ser muito amáveis com os estrangeiros? É isso?Não é que o conteúdo da sugestão tenha algum problema, mas eu não sou simpático com os estrangeiros por me vir um anúncio sugerir tal coisa. E acho mesmo um desperdício de dinheiro porque os portugueses não vão ser mais simpáticos pelo vídeo. Nós somos simpáticos (vá, no geral... que temos uns tantos antipáticos) pelas nossas características culturais.

 

Não nos digam para ser, nós somos. E só o devemos ser se nos apetecer. Se quiserem meter isso num anúncio, façam lá para fora.

 

Nota 1: Eu, por acaso, não tenho nenhum problema com a sugestão (em si) de dar-mos o corpo (literalmente) às visitas estrageiras, que parece estar implicito na campanha e que ajudou à indignação. Mas isso não é pelo turismo, ainda bem que ajuda, mas é mesmo porque os portugueses, como os outros povos, gostam de se enrolar com pessoas... e se for estrangeira, há um maior 'sex-appeal'. Agora, nisso, não me parece que tenhamos alguma vantagem competitiva com outros destinos (vá, talvez ganhemos se nos compararmos com as arábias).

 

Nota 2: Entretanto, o Turismo de Portugal já respondeu ao Pedro Bidarra. Acho que pouco acrescenta, mas aqui fica.

escrito por João Saro às 02:08
link do post | comentar | favorito

Mais sobre quem digo que sou

Pesquisar neste blog

Links

Posts recentes

AD.dicts

Os bustos

Adopção = Sexo

O Benfica joga no domingo

O balde de gelo

Buraco Negro

Médio Oriente: a solução!

"We need to talk about Is...

4th July - Made in...

Cenas épicas

Arquivos

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Maio 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Escritório

Bloco de notas

subscrever feeds